Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Melhor Amiga da Barbie

A arte de andar de patins.

30.10.11 | Ana Gomes
Hoje fui visitar a minha avó.

Na mesa de cabeceira dela uma fotografia.

Eu e o meu irmão.

Um hoquista em potência, e memórias de um dia em que me aguentava em cima de uns patins. As memórias destes dias são acima de tudo fotográficas, e musicais. As músicas dos saraus. As fotos dos desfiles em que entre mim e a patinadora da frente existia sempre uma distância abissal.
Acho que foi por isso que tirei a carta à primeira. Se há coisa que respeito desde sempre é a "distância de segurança".



Não era por não saber patinar, era por ter medo que a fila caísse toda em cima de mim.


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.